SCRUM/KANBAM

SCRUM: Scrum é um framework de gestão ágil de projetos, que proporciona alta qualidade e rápida entrega com total alinhamento das necessidades dos clientes com os objetivos da empresa.

O Scrum promove um processo disciplinado, promovendo o trabalho em equipe, a organização e responsabilidade de todos os envolvidos no processo, efetivando as interações necessárias para as adaptações acontecerem de acordo com as necessidades dos clientes. 

Com isso os clientes participam do processo de produção do produto o serviço, dando feedback constante e solicitando as adaptações necessárias. As entregas não são somente ao final de terminado o processo e sim frequentes, para que o erro seja imediatamente acertado.

 

ESTRUTURA DO PROGRAMA

  • O que é SCRUM
  • Como este método ágil atende aos problemas caóticos?
  • O método tradicional e ágil de desenvolvimento de projetos
  • O que Golfe tem a ver com SCRUM
  • 3 Pilares fundamentais
  • Os principais papéis: SCRUM Master, PO- Product Owner e Dev Team.
  • Eventos: Sprint Planning, Sprint, Daily Sprint, Review e Retrospectiva
  • Artefatos: Product backlog, Sprint backlog, Entrega
  • Como organizer as pessoas
  • Dinâmica do SCRUM

KANBAM

 

Este método revolucionário foi fortemente inspirado no Sistema Toyota de Produção e lida com o objetivo de mitigar a resistência natural das pessoas às mudanças.

O escopo do Kanbam ajuda na compreensão dos problemas e engajar os envolvidos a mudar de forma gradativa o processo.

A comunicação é foco deste método, buscando fácil visualização e entendimento, de forma que todos tenham clareza e rapidez para perseguir melhoria contínua.

Adaptabilidade do processo, redução de desperdício e aumento da produtividade são alguns dos benefícios experimentados na utilização prática no dia a dia das empresas que se utilizam do Kanban.

ESTRUTURA DO PROGRAMA

  • O que é Kanbam, quando e onde surgiu.
  • Como e porque utilizar esse método ágil.
  • Os desperdícios de Ohno: superprodução, espera, movimento de pessoas, processo impróprio, estoque, transporte e defeitos / retrabalhos.
  • Kanbam board
  • Princípios deste método
  • Práticas hands-on
  • Por onde e como começar: mapeamento de insatisfações, fluxo de trabalho, kaizen
  • Tipos de Kanbam: pastéis, com SCRUM, Board,, Niveis Programa e Portfolio.
  • Métricas mais utilizadas
  • Teoria das restrições
  • Gestão à vista: exemplos e dicas
Tire suas duvidas aqui